Livro Nada Além das Escrituras

Descrição: Muitos são os sistemas propostos para compreender o homem e seus problemas. Todos eles convergem em algumas convicções que norteiam suas teorias e procedimentos. Entre elas estão os pressupostos: 1) Não há um Deus Criador e Sustentador do universo; 2) Não há entendimento e reconh... Saiba mais
BRL de R$ 46,50 41.85 por R$ 41,85 Economize R$ 4,65 ver parcelas

Descrição

Muitos são os sistemas propostos para compreender o homem e seus problemas. Todos eles convergem em algumas convicções que norteiam suas teorias e procedimentos. Entre elas estão os pressupostos: 1) Não há um Deus Criador e Sustentador do universo; 2) Não há entendimento e reconhecimento da depravação total do homem. As implicações desses dois pressupostos são: por não haver um Deus Criador, o homem resulta de um processo evolutivo e, portanto, não tem nenhuma relação com Deus e nem tem responsabilidades para com Ele. Nesse sentido, não há porque pensar em pecado e, como consequência, não há porque pensar na necessidade de um Salvador e Redentor. Céu e inferno não são realidades sobre as quais ponderar.



Por não considerarem a pessoa de Deus, outra implicação é que não há imperativos morais e, portanto, não há um padrão moral a ser atendido. A compreensão de que o homem está separado de Deus por causa de seus delitos e pecados não são cogitações de uma mente não regenerada (Is 59.2; Ef 2.1 NVI). Tal posicionamento pode até admitir as Escrituras como um livro com registros históricos importantes, mas não como Palavra de Deus, dada por Ele ao povo dEle, por meio de Seus servos (II Pe 1.20,21; Mt 2.15) para apresentar a mensagem da Redenção em Cristo Jesus (Jo 20.30,31).

Se todos os movimentos convergem nesses pontos, eles divergem, na maioria das vezes, em todos os demais, sejam nos pressupostos de cada posição, nas abordagens e nos procedimentos.

Em contraste com essa realidade caótica na qual o mundo está mergulhado, um oceano profundo de trevas, o próprio Deus se apresenta como o manancial de águas vivas (Jr.2.13) para o Seu povo. Ele mesmo deixa um registro acerca de Sua Palavra como sendo ...viva, e eficaz, e mais cortante do que qualquer espada de dois gumes, ... e é apta para discernir os pensamentos e propósitos do coração (Hb.4.12).

O rei Davi faz a seguinte afirmação: A lei do Senhor é perfeita e restaura a alma (Sl 19.7). Ao que é perfeito, portanto, não se acrescenta nada. Além disso, é essa Palavra perfeita que revigora (NVI) a alma e dá sabedoria a quem precisa. Nenhuma posição dentro dessa babel de vozes conflitantes pode fazer isso. Somente as Escrituras cumprem esse papel. Além de revigorar (restaurar) a alma, ela alegra o coração e ilumina os olhos (Sl.19.8). Deus mesmo dá o Seu testemunho acerca de Sua Palavra. As Escrituras não precisam de acréscimo.

Em Nada Além das Escrituras - O Aconselhamento e a Palavra de Deus, cada capítulo foi escrito por um autor diferente, com formação em áreas diferentes, e todos convergem para o mesmo ponto: as Escrituras são suficientes para lidar com todas as questões do coração do homem e são aptas para a salvação, para restaurar, revigorar, alegrar, iluminar, além de encher de sabedoria com o propósito de levar o homem à semelhança do seu Redentor.engajados na tarefa de aconselhar biblicamente.;

Ficha Técnica:

Autor: Edward E. Hindson e Howard Eyrich.
ISBN: 9788561867317
Capa: Brochura
Número de Páginas: 360
Editora: Nutra Publicações

Tabela de dimensões

Largura Profundidade Peso
14,00 cm 21,00 cm 0,40 kg